sexta-feira, 4 de maio de 2007

Solidão


Solidão...
Invade meus dias...
Meu coração...
Adoece minha alma...
Faz com que minha vida,
Vá perdendo a cor...
Fique assim,
meio desbotada...
Sem graça...
Solidão...
É um misto de sentimentos...
Saudade...
alegria...
Tristeza...
Melancolia...
Nostalgia...
E se dói...
É só se acostumar...

giovana mendhes .¸.•*ੴ

Tanto Céu
(Orlando Morais)

Tanto bicho morto pela estrada
Tanta estrada morta no horizonte
Tanta rodovia, tanta ponte
Pra chegar a lugar algum

Tanta seis da tarde quase sete
Cor que arde, sem querer, remete
Descuidado o sol tomba, despenca
Vem caindo feito avenca
E dourando todo leste

Ê solidão de mundo
Ê solidão de estrada
Ê solidão de tudo
Ê solidão de nada

Tanto choro de árvore semi-morta
Tanta porta a ranger, fechando
Tanto nó no olho da madeira
Tanta vida na cadeira
Que te abriga, te abraçando

Ê solidão de mundo
Ê solidão de estrada
Ê solidão de tudo
Ê solidão de nada


2 comentários:

Solitude disse...

Olá Butterfly!

Como vai? ^^

Achei o seu blog em uma pesquisa no google...
Li a poesia...

Eu sei bem como é a solidão..
Eu convivo com ela há um bom tempo.
E a comtemplo.
Na verdade a solidão é estar sós com vc mesma..
Isso faz com q vc se conheça mais.
Faz com q refletimos mais sobre nossas atitudes e sobre as coisas da vida...
E da maneira q vc enxerga, pode ser uma virtude...
Mas não deixe q o contato consigo mesma a isole dos outros.Goste de sua própria companhia, mesmo sem querer acabara atraindo pessoas..


;)

Muita luz para você!

Solitude

butterfly.¸.•*ੴ disse...

Solitude, que bom que me achou>>>
Seja sempre bem vinda ao meu jardim...
e mto obrigada pelas palavras...
bjos e luz p vc...
Butterfly