segunda-feira, 12 de março de 2012

Vai Amanhecer

É engraçado
As coisas às vezes se complicam tão rápido
E o que faz (fazia) sentido virou sonho
Passado
As peças não se encaixam
A vida se perde num devaneio solitário
O choro guardado... Explode
Amarga a alma
Coração fica "pequeninho"
Mas o dia vai amanhecer
E tudo de novo para dentro (de mim) deve voltar
A vida continua
E mesmo complicada, sem sentido
Eu "tô" aqui... Eu não desisti!


giovana mendhes


Um comentário:

Fabi Pereira disse...

poetas facilitam nossa expressão do ser... obrigada.